Sistemas Loterias

22 de jul de 2010

Polícia vai incluir em inquérito gravação de depoimento de Mizael

A Polícia Civil vai incluir a gravação do depoimento de Mizael Bispo de Souza no inquérito sobre a morte de Mércia Nakashima. No vídeo, o su... thumbnail 1 summary
A Polícia Civil vai incluir a gravação do depoimento de Mizael Bispo de Souza no inquérito sobre a morte de Mércia Nakashima. No vídeo, o suspeito do assassinato discute com o delegado responsável pelas investigações.

Foram quase duas horas diante do delegado. Na sala, também estavam peritos, investigadores, um promotor e os advogados de defesa. No início, Mizael se mostrou tranquilo e solícito.

A primeira pergunta foi sobre Evandro Bezerra Silva, o segurança que contou ter buscado Mizael na represa onde o corpo e o carro de Mércia foram encontrados. O suspeito disse que a relação dos dois é profissional.

Com a sequência do interrogatório, Mizael foi perdendo a calma e chegou a ser orientado por um dos advogados para não ficar bravo.

O delegado pediu que Mizael colocasse em um papel os números de todos os telefones que possuía. Ele escreveu apenas que já havia fornecido essa informação em outros depoimentos.
O delegado, então, apresentou um registro de ligações e afirmou que Mizael usava um celular que não foi informado à polícia. O investigado se explicou, falando que havia comprado um chip em uma loja. O vendedor disse que só havia um chip disponível, já cadastrado em nome de alguém.

Foi pelo telefone omitido, segundo a polícia, que Mizael ligou 16 vezes para Evandro no dia em que Mércia desapareceu. Ele negou. O depoimento prosseguiu e os ânimos se exaltaram. O delegado, que se chamava de “incompetente”, afirmou que ia colocar Mizael na cadeia. Em resposta, o depoente afirmou que só iria falar em juízo, pois estava sendo ofendido.
Esta foi a quinta vez que Mizael foi ouvido pela polícia. O inquérito policial deve ser encaminhado à Justiça ainda neste mês.

Fonte : G1

Palpites Loterias