Sistemas Loterias

8 de out de 2012

2º turno marca recomposição de forças em SP

A professora e cientista política Jacqueline Quaresemin de Oliveira, da FESPSP (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo),... thumbnail 1 summary

A professora e cientista política Jacqueline Quaresemin de Oliveira, da FESPSP (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo), fez uma análise do resultado da Eleição em São Paulo. Ela afirma que a disputa irá aberta para o segundo turno e que José Serra (PSDB) e Fernando Haddad (PT) se focarão na busca por apoios. 

Para Jacqueline, o alto índice de rejeição de Serra no primeiro turno (cerca de 45%) pode diminuir no segundo turno. “Não dá para falar em favoritismo de Haddad por causa disso. Haverá uma recomposição de forças. 

O cenário de votação em São Paulo é uma questão bem complexa. Temos de ver como os partidos irão ser rearticular”, explicou. Para a cientista, Haddad correrá atrás do apoio de Gabriel Chalita (PMDB), enquanto Serra contará com o auxílio de Soninha Francine (PPS).

 Já o apoio de Celso Russomanno (PRB) ainda segue indefinido. “Apesar dessa corrida por um apoio, vale lembrar que muitas vezes os candidatos não transferem os votos. 

Exceto em raras exceções como Lula ou FHC”. Serra e Haddad devem definir as novas alianças para o segundo turno ainda nesta semana.

Fonte:band

Palpites Loterias