Sistemas Loterias

5 de out de 2015

Servidores Municipais em Guarulhos - Decretam Estado de Greve

Nossa luta é justa. Nenhum direito a menos! Começa hoje 05/10 às 14 horas, na Getúlio Vargas, Centro Nas primeiras horas do domingo pr... thumbnail 1 summary

Nossa luta é justa. Nenhum direito a menos!

Começa hoje 05/10 às 14 horas, na Getúlio Vargas, Centro


Nas primeiras horas do domingo pra segunda (4 para 5) começa a greve. Aprovada pela assembleia da categoria, dia 29/9, no Stap, e reafirmada por histórica passeata em 1º de outubro.

Por que greve? Porque o projeto do prefeito, do Regime Jurídico Único, é lesivo aos Servidores, pois corta direitos e conquistas consagradas.

Mas não dava pra negociar? Sim. O Sindicato esteve diversas vezes na CPN (Comissão Permanente de Negociação); fizemos várias plenárias; travamos debates públicos e pela imprensa; fomos tratar com os vereadores; e - principalmente - pedimos diálogo à Administração.

Ora, se o projeto é ruim e lesivo; se a categoria rejeita; se o prefeito não aceita reabrir o diálogo, o Servidor faz o quê? Abaixa a cabeça e aceita?! Nada disso. A categoria tem dignidade: não aceita imposições; a ditadura já acabou faz tempo!

AJUDE A MOBILIZAR - Começa às 14 horas, na Getúlio Vargas, Centro.

AOS SERVIDORES: UNIÃO! - Da função mais singela ao profissional mais estudado, todos nós somos Servidores públicos municipais. Estamos irmanados e unidos, ainda mais. É hora de reafirmar essa união. Nossa causa é justa.

AO PREFEITO: HUMILDADE - A arrogância dos políticos está afundando o Brasil. Almeida não é inexperiente. Ele sabe que governantes – e partidos – precisam calçar as sandálias da humildade. Ou o povo os fará sair pelas portas dos fundos.

AOS VEREADORES: AUTONOMIA - A Constituição que aniversaria nesta segunda restabeleceu a autonomia dos Poderes. O Legislativo não é ajudante de ordens do Executivo. O vereador é soberano e deve servir ao interesse público. O prefeito passa; o povo fica.

Greve, pra que serve?


Pra atingir objetivos. E o objetivo do Servidor Municipal é conseguir um Regime Jurídico justo, que valorize o funcionalismo e garanta nossos direitos.

É greve contra o prefeito? Só se ele quiser. Da nossa parte, queremos que ele seja justo, democrático e ouça os Servidores. Os gestores passam (uns bem, outros mal), mas a categoria permanece, prestando serviços à cidade.

NÃO ACEITE PRESSÃO - O direito de greve é legítimo. Rejeite toda pressão e intimidação. Avise o Sindicato. As providências serão tomadas. A eventuais chefes mais exaltados, lembramos: um dia você também foi subordinado. Respeite seu colega para ser por ele respeitado!

Palpites Loterias